menu

15 de abril de 2018 às 02:00

Cinco brasileiros falam sobre experiências no intercâmbio; veja destinos em alta

EDUARDO MOURA
SÃO PAULO

*

Popularizado no século 20, sobretudo no pós-guerra na Europa, o intercâmbio estudantil caiu no gosto nacional. Segundo pesquisa feita pela Associação das Agências de Intercâmbio (Belta), 302 mil brasileiros buscaram vivências educacionais no exterior em 2017, movimentando US$ 2,7 bilhões (cerca de R$ 9 bi) -em 2016, foram 247 mil pessoas e gastos de US$ 2,2 bi (R$ 7,5 bi).

Hoje em dia, o que se entende por "intercâmbio" vai além daquele modelo tradicional no qual dois estudantes de ensino médio de países diferentes "trocam de lugar" um com o outro por um ano letivo. Se realizados no exterior, vivências como cursos de idiomas e profissionalizantes, voluntariado, estágios e até trabalho temporário podem vir sob a alcunha de "intercâmbio", quando ofertadas por agências.

A modalidade mais procurada pelos brasileiros no ano passado foi curso de idiomas (46,4%), seguido de graduação (11,85%), ensino médio (9,15%) e curso de idioma com trabalho temporário (6,4%).

Coordenada por três professores da ESPM, a pesquisa também identificou o perfil do intercambista: jovem, solteiro e novato no mercado de trabalho. A idade média é de 24,6 anos, e as mulheres são maioria (62%).

Canadá (23%), Estados Unidos (21,6%), Reino Unido (10,2%), Nova Zelândia (6,9%), Irlanda (6,5%) e Austrália (3,6%) mantiveram suas posições de destaque e foram os principais destinos buscados pelos viajantes em 2017. Mas, hoje em dia, também há opções de estudo em locais como Malta, Dubai e Coreia do Sul, que ganham cada vez mais espaço.

Veja experiências de cinco pessoas com o intercâmbio, além de um roteiro com cursos no exterior.

*

Gabi Lopes, 23
Viajou para Inglaterra, África do Sul e Austrália

A atriz e "digital influencer" engatou três programas de intercâmbio nos últimos anos. Estudou inglês na Inglaterra (onde ficou um mês), na África do Sul (um mês) e na Austrália (15 dias). Devido à agenda profissional, ela prefere cursos de curta duração. "Você pensa que não, mas um mês é muito tempo." O aprendizado, para ela, depende da pessoa: ajuda ter foco e ser "cara de pau", não ter vergonha de falar. "Acho importante qualquer jovem passar por essa experiência. Você aprende valores como independência e autossuficiência", diz. Agora, ela se prepara para mais um intercâmbio, desta vez, no Canadá.

*

Héber Valim, 31
Estudou na Irlanda

Em 2010, embarcou para a Irlanda para estudar inglês e trabalhar. Ao longo de um ano e quatro meses, conseguiu diversos empregos: foi de auxiliar de cozinha a figurante da série de televisão "Neverland". A experiência impactou sua vida profissional não só pelo aprendizado da língua, mas principalmente pelo convívio constante com pessoas de diferentes nacionalidades. Enquanto esteve por lá, conviveu com coreanos, europeus e brasileiros de diferentes partes do país. A principal lição que levou da experiência, segundo ele, foi saber lidar com as diferenças.

*

Joyce Carneiro, 29
Viajou para o México

Aos 17 anos, a gerente de projetos poderia ter escolhido ir para Europa, Ásia ou Estados Unidos, mas decidiu fazer intercâmbio no México. O motivo principal da escolha? A novela "Rebelde". No país hispânico, aprendeu muito mais do que coreografias do grupo RBD e passos de reggaeton. "Abriu muito minha cabeça. O México tem uma cultura muito rica", diz. Com o Día de los Muertos, tradicional evento celebrado por lá em novembro, passou a enxergar a morte de uma forma diferente. Além disso, ter vivido no país durante um ano foi essencial para que conseguisse o emprego atual, em uma empresa de inteligência de mercado que atendia um cliente mexicano na época em que foi contratada.

*

Gustavo Braga, 39
Um ano nos EUA

Ator e escritor de livros infantis, foi para Ohio, nos Estados Unidos, em 1996, para cursar o último ano do ensino médio. Não se deparou com nenhum grande choque cultural, mas se espantou com a naturalidade com que se tornou fluente no idioma. Na escola em que estudou, uma típica high school americana, além de disciplinas como matemática e história, era possível se matricular em aulas como marcenaria e teatro -essa última acabou se tornando uma paixão. No fim do ano letivo, a turma apresentou uma peça do personagem folclórico americano Chicken Licken, cuja história marcou o futuro artista. Anos depois, inspirado na peça, Gustavo escreveu dois livros infantis em inglês: "The Sky Is Falling" ("O Céu Está Caindo"; 2013) e "The Sky Is Falling 2: The Revenge of Foxy Roxy" ("A Vingança de Foxy Roxy", 2018). Atualmente, também trabalha em uma escola bilíngue e dá aulas de teatro em inglês para crianças.

*

Wellington Silva, 28
Estudou em Malta

Custo-benefício e clima, além da possibilidade de viajar pela Europa, foram os motivos que levaram o analista financeiro a estudar em Malta. Optou pelo curso de curta duração, de cinco semanas, para poder conciliar com suas férias do trabalho. Aprender inglês era algo essencial para ele: na multinacional em que trabalha, reuniões, comunicados internos e publicações costumam ser quase totalmente na língua estrangeira. Ele conta que, antes, já havia tido aulas, mas sentia que não estava avançando. "Com o intercâmbio, dei um salto no aprendizado", diz.

*

Confira destinos e modalidades de intercâmbio, dos mais clássicos aos 'fora da caixa'

EM ALTA

MALTA
Tem o inglês como língua oficial, além do maltês.
Modalidade: Inglês na LAL Sliema. Inclui acomodação em hotel.
Duração: 4 semanas
Quem leva: World Study
Valor: a partir de € 1.281 (R$ 5.357).

Modalidade: Curso de inglês na EC; acomodação em casa de família
Duração: 2 semanas
Quem leva: CI
Valor: a partir de € 766 (R$ 3.203)

Modalidade: Inglês em escola com praia particular. Inclui acomodação
Duração: 6 meses
Quem leva: EF
Valor: a partir de US$ 11 mil (R$ 37.442)

-

IRLANDA

Dublin
Modalidade: High School em escola particular da capital
Duração: 1 trimestre acadêmico
Quem leva: STB
Valor: a partir de € 9.500 (R$ 39.729) + taxa de € 250

Modalidade: Curso de inglês e trabalho
Duração: 25 semanas
Quem leva: IE
Valor: a partir de R$ 17.303,10

Modalidade: Curso de inglês no Dorset College
Duração: 25 semanas
Quem leva: World Study
Valor: a partir de € 3.310 (R$ 13.843)

-

ESPANHA
Espanhol é o segundo idioma mais procurado.

Málaga
Modalidade: Espanhol, com acomodação
Duração: 2 semanas
Quem leva: Yázigi Travel
Valor: A partir de US$ 1.236,24 (R$ 4.208)

Modalidade: Espanhol na Enforex. Incluiacomodação
Duração: 4 semanas
Quem leva: World Study
Valor: a partir de € 1.172 (R$ 4.901)

Modalidade: Espanhol na Enforex com curso de culinária Mediterrânea e acomodação inclusa
Duração: 12 semanas
Quem leva: STB
Valor: a partir de € 5.348,00 (R$ 22.365) + taxa da agência R$ 387

-

NOVA ZELÂNDIA

Auckland
Modalidade: High School na Birkenhead College
Duração: 1 semestre acadêmico
Quem leva: BEX
Valor: a partir de NZ$ 14.950 (R$ 37.252)

Modalidade: Trabalho e estudo
Duração: 14 semanas
Quem leva: CI
Valor: a partir de NZ$ 5.010 (R$ 12.483)

Modalidade: Inglês na Embassy Auckland
Duração: 24 semanas
Quem leva: STB
Valor: a partir NZ$ 9.642 (R$ 24.025) + taxa de R$ 387

-

ÁFRICA DO SUL

Cidade do Cabo

Modalidade: Voluntariado em hospital infantil, com curso de inglês. Inclui acomodação em residência estudantil
Duração: 4 semanas
Quem leva: CI
Valor: A partir de US$ 1.955 (R$ 6.654)

Modalidade: Curso de inglês, com acomodação
Duração: 4 semanas
Quem leva: IE
Valor: A partir de R$ 5.096,60

Modalidade: Curso de inglês na International House, com acomodação
Duração: 4 semanas
Quem leva: World Study
Valor: a partir de US$ 1.499 (R$ 5.102)

-

MÉXICO

Playa del Carmen
Modalidade: Aulas de espanhol na International House Playa del Carmen (Riviera Maya). Inclui acomodação
Duração: 2 semanas
Quem leva: CVC
Valor: a partir de R$ 4.752

Modalidade: Espanhol na Don Quijote, com acomodação
Duração: 4 semanas
Quem leva: Experimento
Valor: a partir de R$ 6.885

Cidade do México

Modalidade: Curso de espanhol e aula de dança latina
Duração: 4 semanas
Quem leva: World Study
Valor: a partir de US$ 2.164 (R$ 7.366)

-

COSTA RICA
Bom custo-benefício para quem procura colocar o espanhol em prática.

San José
Modalidade: Espanhol; acomodação com família
Duração: 2 semanas
Quem leva: Yázigi Travel
Valor: A partir de US$ 990 (R$ 3.369)

Modalidade: Curso de espanhol na Coined em San José, com acomodação em casa de família
Duração: 2 semanas
Quem leva: CI
Valor: a partir de US$ 1.145 (R$ 3.897)

Modalidade: High School, sem escolher a cidade
Duração: 1 ano ou 1 semestre acadêmico
Quem leva: AFS
Valor: anual por US$ 8.000 (R$ 27.231); semestral por US$ 7.000 (R$ 23.827)

-

EMIRADOS ÁRABES UNIDOS

Dubai
Modalidade: Inglês na ES, com acomodação e safari no deserto
Duração: 4 semanas
Quem leva: World Study
Valor: a partir de US$ 1.980 (R$ 6.739)

Modalidade: Trabalho e estudo
Duração: 12 semanas
Quem leva: CI
Valor: a partir de US$ 3.442 (R$ 11.716)

Modalidade: Inglês, com acomodação em residência estudantil
Duração: 4 semanas
Quem leva: Global Study
Valor: a partir de R$ 6.790

*

OS CLÁSSICOS

CANADÁ
País mais procurado hoje para intercâmbio.

Vancouver
Modalidade: High School em escola pública em Vancouver Island
Duração: 1 semestre acadêmico
Quem leva: STB
Valor: a partir de CA$ 13.198 (R$ 35.292) + taxa de CA$ 360 (R$ 950)

Modalidade: Curso de inglês na ELS Vancouver, com acomodação
Duração: 4 semanas
Quem leva: Experimento
Valor: a partir de R$ 6.004

Modalidade: Inglês na Global Village Vancouver, com acomodação em casa de família
Duração: 24 semanas
Quem leva: CVC
Valor: Preço total a partir de R$ 31.840

Toronto
Modalidade: Opção de curso de inglês, com acomodação em casa de família
Duração: 2 semanas
Quem leva: Yázigi Travel
Valor: A partir de US$ 1.119,33 (R$ 3.810)

Modalidade: Inglês no Quest Language Studies, com acomodação em casa de família
Duração: 4 semanas
Quem leva: World Study
Valor: a partir de CA$ 2.090 (R$ 5.588)

Modalidade: Curso de inglês. Inclui acomodação em casa de família
Duração: 6 meses
Quem leva: EF
Valor: A partir de US$ 12 mil (R$ 40.846)

-

ESTADOS UNIDOS
Continua atraindo intercambistas; mas perdeu a dianteira da preferência por questões econômicas e de visto.

San Diego
Modalidade: Escola na Balboa High School, para adolescentes
Duração: 1 semestre acadêmico
Quem leva: BEX
Valor: a partir de US$ 27.050 (R$ 92.075)

Modalidade: Curso de extensão em marketing digital na Universidade da Califórnia
Duração: 3 meses
Quem leva: Experimento
Valor: A partir de US$ 7.000 (R$ 23.827)

Modalidade: Inglês na CEL San Diego Downtown, com acomodação em casa de família
Duração: 4 semanas
Quem leva: CVC
Valor: a partir de R$ 8.453,37

Nova York
Modalidade: Curso de cinema na New York Film Academy. Inclui acomodação em residência estudantil
Duração: 8 semanas
Quem leva: STB
Valor: a partir de US$ 10.284 (R$ 35.005) + taxa de R$ 387

Modalidade: Curso de inglês na cidade, com acomodação em casa de família
Duração: 2 semanas
Quem leva: Yázigi Travel
Valor: A partir de US$ 1.717 (R$ 5.844)

Modalidade: Curso de inglês na ELS. Inclui acomodação em residência estudantil.
Duração: 2 semanas
Quem leva: CI
Valor: a partir de US$ 1.838 (R$ 6.256)

-

REINO UNIDO

Londres
Modalidade: High School em colégio particular
Duração: 1 trimestre acadêmico
Quem leva: STB
Valor: A partir de £ 8.585 (R$ 41.330) + taxa de £ 250 (R$ 1.203)

Modalidade: Boarding School, com acomodação na própria escola
Duração: 1 semestre
Quem leva: Experimento
Valor: a partir de £ 13 mil (R$ 62.585)

Modalidade: Curso de inglês na BSC Londres Central, com acomodação em casa de família
Duração: 20 semanas
Quem leva: CVC
Valor: a partir de R$ 31.636,38

-

AUSTRÁLIA
Valores e o clima mais parecido com o Brasil atraem os estudantes.

Sidney
Modalidade: High School em escola pública
Duração: 1 trimestre acadêmico
Quem leva: STB
Valor: A partir de AU$ 11.631,82 (R$ 30.541) + taxa da agência de AU$ 250 (R$ 656)

Modalidade: Trabalho e estudo
Duração: 14 semanas
Quem leva: CI
Valor: a partir de AU$ 4.242 (R$ 11.138)

Modalidade: Curso de inglês, com acomodação em casa de família cadastrada
Duração: 2 semanas
Quem leva: Yázigi Travel
Valor: A partir de US$ 1.496,28 (R$ 5.093)

*

*

Fonte: FOLHA

comentários

Estúdio Ao Vivo